terça-feira, 25 de outubro de 2016

E já mudei de casa

Caneco...se custou esta mudança...

Então onde é que eu ia...haa pois...no pré mudança. Pensam que melhorou no entretanto??? Naaaaaaa

No Sabado em que estava marcada a mudança o transportador ligou na hora de almoço a dizer que os "mudadores" tinham feito uma mudança de manhã, a qual tinha atrasado, e que seria impossível eles irem fazer a nossa mudança de tarde. 
Nós como ficamos??? Verdes, azuis, às pintas...enfim, numa fúria imensa, vai daí o PArolo e o seu mau feitio decidiu que com transportador ou não, no Sábado grande parte da mudança iria ser feita. E muito foi feito, podem crer.

Entretanto fomos uns dias para a minha mãe porque não tinhamos condições para estar numa casa em caixotes, principalmente com a Delicinha.

A mudança foi então marcada para dia 25 de Agosto. Era para ser no 24 mas era o dia de aniversário do Parolo.
Ora no dia 24 lá fomos nós jantar fora para comemorar. Comemos bem, bebemos melhor e, entretanto, era hora de voltar a casa.
Chegamos à casa da minha mãe, ela põe a chave à porta e ...nada. A chave não abria.
O que tinha acontecido é que tinhamos fechado a casa por dentro e saído pela garagem, ora agora, nada feito.
Lembrei-me então que o meu irmão estava em Viana do Castelo e, à meia noite e tal, lá fomos nós para Viana. Quando chegamos lá o meu irmão, que achava que tinha o comando da garagem no carro, mas que não foi confirmar viu que...afinal não tinha...
Solução, dormirmos em Viana, porque no Porto não teríamos onde.

No dia seguinte tinhamos os transportadores a chegar à casa antiga às 9h, a minha mãe tinha que ir dar comida ao Cavalo, eu tinha que ir trabalhar logo, a alvorada, teria que ser cedinho cedinho.

Acordei super mal disposta e a vomitar, a Delicinha também vomitou, chegámos a casa da minha mãe e lá conseguimos entrar por uma janela, não consegui ir trabalhar, ou melhor, nem de pé conseguia estar, nem pegar na Delicinha e lá teve que ir o Parolo sozinho com os transportadores.
Ficou QUASE tudo mudado (na noite seguinte só fui buscar meia duzia de coisas que tinham ficado)o Parolo chegou a casa de rastos, nem dormir conseguia que tinha os músculos das pernas a ferver.

No dia seguinte o Parolo só vomitava e a a minha mãe também.

Mas o que importa é que já estamos na casa nova e estamos muito, mas muito bem :)

quinta-feira, 18 de agosto de 2016

Vou mudar de casa....outra vez!!

Efectivamente mais valia comprar uma auto caravana, ou então desfazer-me da mobília e todas as cangalhadas que lá tenho em casa e, em caso de mudança, era só fazer uma malinha básica.

No entanto, e como não é isso que acontece, estou há um mês a planear mentalmente como vai ser a mudança: "bem, se a cada dia vagar um armário ou assim, chego à data marcada e já está tudo pronto"; "primeiro embalo o aparador da sala...depois vou ao quarto verde...entretanto embalo o quarto Dela..."
e perguntam vocês " e então afinal, o que já embalaste?"

AAAIIII...até segunda-feira passada (bendito feriado) não tinha embalado nem um alfinetinho...nada...nadinha...

E vocês voltam a questionar: "Mas e quando é a mudança?"

AAAIII...SÁ BA DO (se bem que fui informada que talvez o transportador não vá poder fazer a mudança).

Então vamos lá ver, se ainda não tinhas embalado nada até segunda-feira, e a mudança pode já não ser no Sábado, isso é maravilhoso e até calha bem...

NNAAAAAOOOO porque eu e o Parolo somos umas máquinas e já embalamos imenso (se bem que de noite enquanto dou de mamar à minha Delicinha só penso que ainda falta TUDOOO).

Em suma: 
* tenho a casa num 8, caixas por toda a parte; 
* tenho ainda imensas coisas por arrumar que me tiram o sono (ou tirariam se dormir se eu não fosse uma soneca, se bem que há 6 meses que não durmo, lala); 
* o transportador ainda não confirmou que vai no sábado; 
* tenho que entregar a casa em breve; 
* estou a ficar doidaaaaaa!!! 

HEEEELPPP!!!

Update Cunhadal

... N A D A ...silêncio absoluto...

Regresso ao trabalho

A sensação de a tirar do berço a dormir...cedo...demasiado cedo, sair de casa e ir para o carro...foi avassaladora. Se bem que sabia que iria leva-la para a minha mãe e que ela ficaria muito bem entregue, o meu coração estava apertadinho e as lágrimas caiam pela cara abaixo.
Custou muito, mas rapidamente me resignei ao facto de que tenho e que trabalhar e que não posso ficar a 100% com ela. Resta-me a certeza que ela está bem e que os meus pais são uns Super Avós que lhe dão montes de miminhos.
O bom disto tudo é que quando entro em casa dos meus pais e ela me vê, ui...fica maluca a rir ansiosa para que eu pegue nela, ora como eu estou ansiosa por o fazer, agarro-a e não há quem nos separe :D

segunda-feira, 18 de julho de 2016

Relatório

Do meu cunhado ainda silêncio absoluto...parolo..humpf

O coração está a mingar

Estou a ficar com coração cada vez mais apertado e pequenino. A verdade é que já penso nisto desde o dia que ela nasceu, que vai chegar o dia em que vamos ter que deixar de passar as 24h do dia juntas...

Todos me dizem que vai ser bom, que o reencontro e o tempo juntas se torna melhor, mais rico, mais aproveitado...mas para já não consigo ver com esses olhos positivos...vejo o afastamento com o coração triste de quem sente que me vão arrancar um pedaço.
Tenho um emprego com um bom horário, saio às 17,30h e isso é otimo, mas e os acordares sem tempo?? E os mimos a qualquer hora? E os nossos momentos, só nossos e de mais ninguém, da amamentação em que só as duas existiamos??

Eu acredito que vem aí uma nova fase tão boa quanto tem sido até agora mas diferente. Vou ter que me adaptar a uma nova realidade em que eu já não estou de licença e que volto ao trabalho.
A verdade é que além de não poder dar-me ao luxo de me tornar uma stay at home mom penso que também é um benefício para ela de ter uma mãe ativa e realizada profissionalmente.

Posto isto, de hoje a oito dias vou voltar ao trabalho...

sábado, 16 de julho de 2016

O meu cunhado

O meu cunhado, mais conhecido como Tio Peluche, quer que eu ganhe dinheiro com o blog. "Se há muita gente a ganhar, também podias ganhar", diz ele.

Pergunto-lhe: "mas tu lês o meu blog?"
Ele responde: "...não..."

Case desmissed!

Ps. Vamos ver quanto tempo ele demora a ver que fiz um micro post dedicado a ele. Se for rápido escrevo um mega post em sua honra 😜

segunda-feira, 4 de julho de 2016

AL / DL #3

AL - mal chegava à praia ia ao mar e tomava mil banhos. Dormia a ouvir as pessoas lá longe e quando acordava ficava a ler ou a observar as estranhas criaturas que insistem em, apesar de uma praia vazia, se colarem às toalhas dos vizinhos.
DL - cheguei à praia cedíssimo e fui apenas molhar os pés...com ela (mas que bom que foi, principalmente porque foi a primeira ida à praia da Parolinha), fiquei acordada enquanto ela dormia, e olhei para ela enquanto comentava que há estranhas criaturas que insistem em, apesar de uma praia vazia, se colarem às toalhas dos vizinhos.

terça-feira, 14 de junho de 2016

That's Amore!!

Ele por vezes enerva-me, irrita-me, chateia-me, apetece-me bater-lhe, goza com os meus cozinhados, apressa-me nas minhas tarefas dizendo que já está pronto da sua única tarefinha, mas estou cada dia mais apaixonada por ele!!
LOVE YOOOUUU PAROOOLLOOOO!❤❤❤

domingo, 5 de junho de 2016

@ Mom's

Eu e minha irmã ja saímos de casa faz tempo, no entanto estamos sempre metidas em casa da minha Mãe. Ou vamos de visita e acabamos por ficar a almoçar ou jantar, ou vamos mesmo para dormir uns dias por este motivo ou aquele.
Somos umas mimadas, andamos sempre na barra da saia da mommy.

No outro dia, quando chegámos, deparámo-nos com uma nova peça de decoração deveras peculiar...será uma boca?? Será uma dica??

Não quero saber, ri-me, achei o máximo e pretendo usufruir sempre que possa, forever and ever 😜

O Coxo ou o Rabudo

Duas ou três semanas depois da Laura, a Parolinha, nascer fui passar uma temporada a casa da minha mãe. O Parolo tinha regressado ao trabalho, as noites não estavam a ser fáceis, eu pouco que me conseguia mexer e para ser mais prático, em vez de ir a minha Mãe lá para casa dar apoio, fomos nós para casa dela, até porque o Henrique, o Primo Parolo passa lá o dia enquanto a minha irmã trabalha e era tudo bem melhor.

E lá estava eu a dormir no meu quarto antigo, naquela que sempre foi a minha cama mas, agora, já não a dormir a sono solto milhões de horas mas a acordar de 2 em 2 ou 3 em 3h para dar de mamar.
Numa mamada das 5h da manhã comecei a ouvir um barulho estranho e horrível no silêncio da noite...tum...tum...tum.... Até suei...um som seco, ritmado...horripilante.
Na noite a seguir...outra vez, na mesma hora o mesmo som...e na a seguir e na outra e na outra...
A sensação que dava era que se naquele momento fosse à janela não veria ninguém na rua apesar do barulho que ouvia.

A minha irmã decidiu levar os miúdos a Lisboa para baptismo de vôo e a minha Mãe também foi. Como viajaram em low cost e para proveitarem o dia ao máximo, foram no primeiro avião. Coincidiu então que eles passaram pela casa da minha Mãe para a buscar na hora do barulho ensurdecedor do tum tum tum no silêncio.

Quando chegaram à noite lembrei-me e perguntei a medo "quando saíram de casa estava alguém a passar na rua?" (bem, se eles me diziam que não fazia as malinhas e ia embora nesse dia mesmo, hahaha) e eles disseram que sim, que estava a passar um homem e perguntaram o porquê da questão. Lá estive eu a contar o terrível som que ouvia às 5h da manhã TODAS AS NOITES.
Foi um alívio quando o meu irmão disse que já ouvia esse barulho há imenso tempo, que no início também de pelou de susto e medo, mas que depois tinha ido investigar e percebeu que era o Coxo.

Ninguém sabe quem é o homem, nem o que ele vai fazer às 5h da manhã para cima sendo que passado um bocado vai para baixo. Já inventamos mil histórias, já nos rimos à gargalhada, já planeamos perseguições (o meu irmão no outro dia foi guardar o carro para ir atrás do homem...mas ele desapareceu...quando entrou e me disse, sim, às 5h da manhã esta casa é uma animação como se fossem 5h da tarde, eu disse que tão depressa ele subiu como desceu, que até achei estaranho porque costuma demorar mais um pouco).

O homem vai na direção do centro da vila, onde está tudo fechado e não está ninguém, mesmo chovendo, lá vem ele...sempre, todos os dias, na mesma hora... Que será que vai fazer??

A minha mãe diz que vai buscar terra ao cemitério, lolol, (pelo tempo que demora, não tem tempo para isso) e tem outra suspeita, mas é nojenta para escrever já que implica usar uma parede perto dos latões do lixo como casa de banho para necessidades fisiológicas sólidas (sim...na parede)...

La em casa já todos estão atentos ao Coxo e qualquer dia vamos mesmo atrás dele e até a minha irmã, que de vez em quando também assenta arraiais na minha Mãe, estava muito preocupada no outro dia porque...não ouviu o Coxo...

quarta-feira, 18 de maio de 2016

O meu Cabeça d'Ovo

Por ser loirinho trato-o assim...ele não acha muita graça, mas eu acho o máximo e a ele...acho-o fantabulástico.

Depois de almoço pede-me para ir brincar com ele.
Eu: "Agora tenho que levantar a mesa! Depois eu vou!"
...
Ele: "Títi, tive uma ideia, eu ajudo-te a levantar a mesa e depous brincas comigo!"
Eu: "Está combinado!"

Lá me ajudou...depois fomos comer um chocolatinho. Depois diz-me ele:
"Títi, eu ajudei-te a arrumar a mesa mas tu ainda não foste brincar comigo"

E lá fui eu para o pré-histórico brincar com dinossauros!!!

sexta-feira, 13 de maio de 2016

Que violênciaaaaa...

Ai minha nossa...isto de estar privada de uma boa noite de sono vai para 4 meses é terrível. Logo eu...logo eu que sempre dormi uma noite inteiriiinha, tranquila, sem sequer ter pausas para xixi.
Para dizer a verdade, de tudo o que implica ser Mãe, a privação do sono é a que mais me custa e baralha.
No início era aflitivo, eu começava a ouvir os barulhinhos dela e, ainda a dormir, pensava " o que ela terá? Já mamou, por isso não é fome!". Atenção NÃO TINHA MAMADO, eu é que tinha sonhado que sim.
Ela mama de noite em intervalos de 3 ou 4h, 5h é uma loucura de tão raro, mais frequente são as duas horinhas de pausa para um soninho básico. Por exemplo, ela agora está constipadita e os intervalos são menores o que compreendo porque com o nariz tapado deve cansar mais mamar e então pode acabar por mamar menos...tadinha...
Mesmo assim, atribuindo uma razão, quando ela chora "antes do tempo" baralha-me e fico tola com o sono. Estas noites não têm sido fáceis, esta noite foi particularmente atribulada já que às 5h da manhã já queria festa e passeio. Valeu-me o Parolo que, muito ensonado pegou nela e a adormeceu.
Antes de o chamar, no meu périplo de hora e meia para que adormecesse, só pensava "ai que vontade de lhe dar uma surra..." A bem da verdade, nunca seria capaz de lhe bater por um motivo destes...nem de outro qualquer...mas o sono é tanto que até sinto o corpo a falhar.

Mas depois ela olha para mim e dá um sorriso e eu fico ainda mais apaixonada por ela...como se fosse possível, mas é!
Um coração de uma Mãe tem uma capacidade fabulosa e elástica de a cada dia crescer um pouco mais e mais e mais.

terça-feira, 10 de maio de 2016

Happy Birthday Cabeça d'Ovo

O meu sobrinho adorável fez 3 anos!!

Quando o encontrei e dei os parabéns disse-me muito contente " Títi, já tenho trêsjanooooss"

Como um verdadeiro apaixonado por dinossauros, sobre os quais conhece as raças, as espécies, os hábitos alimentares, a morfologia, nada mais normal qimue o bolo seja assim, um Stegossaurus à maneira!!!

Catrapuuuummm

Que grande trambolhão dei no Sábado.
A ir buscar uns caixotes com louças para a festa dos 3 anos do Henrique, no terraço da minha mãe, a descer as escadas molhadas e com uns raios de uns vasinhos a ladear, a sapatilha escorregou e pum..rabo no chão e cotolevo no degrau.
Doeu senhores...doeu muito, mas lá me levantei e fiz o que tinha a fazer.

No mesmo dia, antes umas horitas, a minha avó a sair de casa dela também caiu e deu com as costas num degrau. Aqui foi pior que a fragilidade dos 80anos deram um grande hematoma e "os biquinhos" da L1 L2 e L3 partidos.

Mas estamos bem!!!

sexta-feira, 29 de abril de 2016

AL / DL #2

AL - eu é que tomava as vacinas ou levava o meu irmão e o que se passava era mais ou menos isto depois de tomar a injeção:
Ele - " Ai Ipa...estou a ver tudo preto..."
Eu - " Cala-te e anda para casa senão ainda te bato"
Atenção nunca bateria, obviamente, era só para ele ficar duro 😜

DL - vou em ela à vacina daqui da vinte minutos e já me doi o coração 😞. Aos 2 meses tomou três  injeções e uma via oral e chorou tanto a minha parolinha 😪😪😪😪😪

AL / DL

Esta é uma nova rubrica aqui na parolândia. Vamos lá comparar a vida Antes dela e Depois dela.

AL - dormia a noite toda seguidinha, sem sequer acordar para fazer xixi

DL - há 3 meses que não durmo mais de 2h seguidas...ou porque é hora de mamar, ou não é mas ela pensa que sou o Ambrósio porque lhe apetece algo, ou porque faz qualquer barulhinho que me põe alerta.

A vantagem é que depois olha para mim, ri-se e eu esqueço o sono e o cansaço...quase sempre pelo menos 😜

27

Fez no dia 27 três meses que a nossa vida mudou par melhor. Para muito melhor!!

Ela nasceu no dia 27 de Janeiro, às 17.14h, com 3,600kg e 50,5cm, perfeitinha e linda demais!!!
Passados 3 meses, seiscentas e tal mamadas (alimentação exclusiva no restaurante materno, aberto 24h por dia, em qualquer sítio, à temperatura ideal) já cresceu 10,5cm, engordou mais de 2kg, já nos conhece, já se ri (a verdade é que a risota começou cedo) já começa a dobrar o riso e a interação é imensa.

Mas é tudo um mar de rosas??? Não, não é...agora está numa fase que chora chora chora, e manda nas nossas vidas, não consigo fazer nada, não consigo escrever no blog, não consigo ler um livro, comer descansada...enfim..mas faz parte...e as manhas???? Ui...que nervooooosssss (escrevo isto com ela a chora ao meu lado sem motivo nenhum...) tenho que ir...

terça-feira, 26 de abril de 2016

Volteeeeiiii

E com tantas novidades...

Agora tenho é que fazer uma ginástica temporal mas conseguir escrever regularmente...

É que ela é exigente 😜